Quarta-Feira, 25 de Novembro de 2020

Primeira noite de operação atende 34 denúncias em 27 bairros de Cuiabá

wq

A primeira operação de fiscalização do cumprimento do toque de recolher resultou no atendimento de 34 denúncias. A ação, que foi iniciada às 22h30 de sábado (13) e encerrou às 5h deste domingo (14), contou com a atuação de 22 equipes, totalizando cerca de 60 pessoas envolvidas diretamente. 

De acordo com o balanço da equipe de fiscalização unificada do Município, foram 27 bairros, das quatro regiões, fiscalizados, sendo que a região com maior incidência de denúncias foi a Sul. Na localidade, foram visitados bairros como o Pedra 90, Parque Cuiabá, Jardim Industriário e Parque Geórgia. 

“Nossa intenção não é penalizar as pessoas, mas sim proteger a saúde pública, nesse momento de enfrentamento do novo coronavírus (Covid-19). A operação cumpriu o seu propósito, que é inibir essas atividades noturnas que causam grandes aglomerações”. comenta o secretário de Ordem Pública, Leovaldo Sales. 

Durante a operação, no bairro Parque Geórgia, as equipes atuaram em uma festa, com mais de 30 pessoas, que era realizada em um espaço de eventos. Por descumprimento das normas de isolamento social, o responsável pela festa foi autuado e multado em R$ 609. 

Já na Grande Morada da Serra, quatro estabelecimento foram orientados sobre o cumprimento do decreto 7.956. Nas abordagens, as solicitações para que o funcionamento das atividades comerciais fossem interrompidas foram prontamente atendidas, não sendo necessário o registro do auto de infração. 

O toque de recolher segue valendo até o dia 28 de junho. As operações de fiscalização serão sempre executadas mediante uma atuação integrada entre as secretarias municipais de Ordem Pública, Mobilidade Urbana, Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano Sustentável, e com o apoio da Polícia Militar.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Veja também

roseli

roseli

Comentários

Feito por
⚙️