Quarta-Feira, 18 de Maio de 2022

Uso de máscaras continua obrigatório em hospitais

Médica intensivista do Hospital Santa Rosa reforça importância da vacina e medidas de prevenção no combate ao vírus

O uso de máscaras de proteção contra a Covid-19 permanece obrigatório em hospitais e outros locais de prestação de serviços de saúde, em Cuiabá. A médica intensivista do Hospital Santa Rosa, Carolina Santos Arruda, reforça que para o público infantil, idosos acima de 70 anos, pessoas não imunizadas e em locais de alto risco de contágio, o uso da máscara não foi liberado e deve ser respeitado.

Mesmo com o decreto nº 9.013/22, emitido na quarta-feira (22.03), pela Prefeitura Municipal de Cuiabá, flexibilizando o uso do item em locais abertos e fechados, a médica destaca que, dentro de hospitais, clínicas, consultórios e laboratórios, é indiscutível o uso de máscaras. “Até que haja melhor controle dos casos e maior cobertura vacinal da população, é obrigatório. Lembrando que as pessoas que estão com esquema vacinal incompleto também devem se proteger, pois ainda estão expostos à forma grave da doença”, explica Carolina.

Atuando dois anos na linha de frente dos atendimentos de Covid, no Hospital Santa Rosa, a médica intensivista afirma que as medidas de proteção instituídas no início da pandemia, como uso da máscara, higienização das mãos, distanciamento e não aglomeração, ajudaram a diminuir o risco de exposição ao vírus.

“Porém, a medida mais efetiva continua sendo a vacinação”, enfatiza Carolina. “Todos os profissionais de saúde que estiveram em contato com casos da Covid ao longo desses anos de pandemia notaram a diferença após a vacina. Não deixe de se vacinar e de vacinar seus filhos contra o coronavírus”, orienta a profissional.

O uso da máscara passou a ser obrigatório em Mato Grosso em 13 de abril de 2020.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Veja também

Roseli

Roseli

Comentários

Com muito ❤ por go7.site