Quarta-Feira, 18 de Maio de 2022

Posso comer de tudo sem sentir culpa?

salada

Pizza, pastel, lasanha, hambúrguer, chocolate, bolo recheado, sorvete, batata frita, cachorro-quente, maionese, bacon e churrasco são alimentos que apenas de pensar dá água na boca. Mas, é possível comer de tudo sem se sentir culpado? A resposta é sim, segundo a nutricionista do Fort Atacadista, Letícia Tizziani, que enaltece que é possível permanecer saudável sem deixar de comer essas delícias.

O segredo, de acordo com Letícia, é manter o equilíbrio e fazer escolhas saudáveis em 80% do tempo. “Poucas pessoas conseguem ingerir diariamente apenas saladas, verduras, frutas, frango cozido e batata doce. Sair da rotina e comer o que se tem vontade não é um pecado. Não é um lanche ou uma guloseima que fará você ganhar peso, mas sim a quantidade ingerida ao longo da semana. A dica de ouro é: você pode comer de tudo um pouco”, argumenta.

A culpa depois de comer determinado alimento está diretamente relacionada com a maneira que a pessoa lida com a comida e pode ser um sinal de transtorno alimentar. Letícia alerta que esse sentimento é resultado da falta de controle, quando a pessoa come compulsivamente e por isso, muitas vezes, escolhe comer sozinho ou escondido para não receber julgamento em relação à quantidade ou o que está comendo. Os comportamentos associados são levantar-se de madrugada para comer, continuar comendo mesmo sem fome e se alimentar mais rápido do que seria normal.

“É preciso estar atento e observar os sinais, porque estresse, desconforto emocional, insatisfação com a imagem corporal e dietas restritivas podem ser gatilhos para ansiedade e compensação na comida. Se a culpa for constante é necessário acompanhamento multidisciplinar com nutricionista e psicólogo. Agora, também é importante esclarecer que é comum, em algum momento, exagerar no consumo de alguns alimentos, por isso não entre em pânico”, explica a nutricionista ao reforçar que uma alimentação equilibrada ajuda a transformar hábitos.

Entre as orientações da nutricionista para evitar a culpa após a refeição estão: comer sem distrações (televisão ou celular), mastigar devagar (o cérebro demora cerca de 20 minutos para registrar que está saciado), não pular refeições (comer em intervalos regulares é uma alternativa para evitar o consumo excessivo) e aproveitar o momento (se desligue dos problemas e curta a refeição).

DIA F no Fort Atacadista – Para quem deseja abastecer a despensa em casa com produtos gostosos, variados, assim como frutas, verduras e hortaliças, pode aproveitar o Dia F neste sábado, 05 de fevereiro. Em todas as unidades do Fort em Cuiabá e Várzea Grande consumidores e comerciantes poderão aproveitar as promoções exclusivas nas diferentes seções: açougue, bazar, mercearia, higiene, hortifruti, limpeza e bebidas.

Para os clientes Vuon Card, cartão exclusivo do Fort Atacadista, há descontos ainda maiores em centenas de itens e condições especiais de parcelamento. Em Cuiabá, as lojas do atacarejo estão presentes nas Avenidas Fernando Corrêa da Costa, Miguel Sutil e na saída para Chapada dos Guimarães e, em Várzea Grande, na Avenida da FEB. No Dia F, as lojas abrem em horário diferenciado, das 6h às 24h.

As unidades do Fort seguem todas as regras sanitárias e medidas de segurança necessárias para receber os clientes.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Veja também

Roseli

Roseli

Comentários

Com muito ❤ por go7.site