Sexta-Feira, 17 de Setembro de 2021

Instituições carentes de Cuiabá e Várzea Grande recebem doação do Fort Atacadista

Entrega troco solidário 2020

TROCO SOLIDÁRIO/TROCO EM DOBRO

A instituição filantrópica “Casas Caminho Redentor” recebeu o valor arrecadado pela campanha Troco Solidário que, junto aos clientes do Fort Atacadista de Mato Grosso, alcançou o montante de R$ 43.887.744,00. A arrecadação foi no segundo semestre do ano passado nas lojas da rede em Cuiabá e Várzea Grande. A mesma quantia foi doada pelo Grupo Pereira, responsável pela bandeira Fort Atacadista, ao “Lar dos Idosos São Vicente de Paulo”, no projeto Troco em Dobro, como forma de beneficiar mais entidades carentes que sofreram redução de investimentos em função da pandemia.

A entrega simbólica do cheque aconteceu na última sexta-feira (22.01) na loja da Avenida Fernando Corrêa, em Cuiabá, e contou também com a presença da equipe da próxima instituição filantrópica a participar da ação social, que acontece a cada seis meses, e será a ACAMIS (Associação Caminhando Para Mais um Sonho). O evento contou com a participação reduzida de todos os envolvidos para evitar aglomerações.

Para o encarregado regional do Fort Atacadista, Donizelio de Sousa Campos, a campanha Troco Solidário atingiu mais uma vez o objetivo de arrecadar uma boa quantia em dinheiro, para ser doado às instituições que exercem importante função social aos que precisam de ajuda.

“Estamos auxiliando duas entidades que tenho certeza que será bastante utilizado nas suas necessidades. Agradecemos a Deus, aos nossos clientes, operadoras de caixa e encarregadas que não mediram esforços para conseguirmos esse valor”, frisou. “Para o Fort Atacadista e o Grupo Pereira é um grande prazer fazer essa doação”, completou Donizelio.

O gerente da loja, Cláudio Macedo, lembrou da participação da rede na comunidade em que está inserida. “É muito importante poder ajudar uma instituição em conjunto com o cliente. E o dobro, a mesma quantia doada para outra instituição, é uma ação que para nós funcionários, nos enche de orgulho e nos gratifica”, observou.

Como na última campanha, a operadora de caixa Lizânia Lúcia Costa Santos foi quem conseguiu arrecadar mais doações, cerca de R$ 2,6 mil. Indagada sobre o feito, ela comemorou, apontando a humildade em pedir a doação ao cliente, como fator essencial para a contribuição voluntária.

“Primeiramente falamos sobre o que é o Troco Solidário, sobre a instituição e humildemente pedimos se o cliente pode doar. Para mim é gratificante conseguir ajudar”, conta. As operadoras de caixa Rúbia Carla e Rosimeire Rosa, também foram as que mais conseguiram arrecadar, R$ 2.257,91 e R$ 1.983,13, respectivamente.

De acordo com Soledade Amadeo, presidente da “Casas Caminho Redentor”, o valor será utilizado para melhorias estruturais da instituição, que abriga permanentemente, 30 acolhidos, entre menores e idosos portadores de lesões físicas ou cerebrais em situação de risco familiar.

“Em virtude da pandemia as doações caíram muito e esse valor será de grande ajuda para realizarmos melhorias na cozinha, no dormitório feminino, que precisam de reformas, além de suprir outras necessidades. Somos muito gratos ao Fort Atacadista, somos uma instituição filantrópica que sobrevive de doação, isso é muito importante para nós”, disse. A instituição está localizada no bairro Nova Esperança, em Cuiabá.

Já Sebastião Pavani, conselheiro fiscal do Lar dos Idosos, agradeceu e disse que o dinheiro vai ajudar muito nos gastos da entidade.

Próxima Instituição

A ACAMIS será contemplada com a próxima edição da ação social, que já iniciou e segue até junho. Segundo a presidente Mayhara Patrícia Silva Corrêa, a missão da entidade é promover ações de prevenção e de educação integral a crianças e adolescentes, através da efetivação dos direitos referentes à vida, à saúde, à segurança alimentar e nutricional, à educação, ao esporte, lazer e à cultura.

“Temos como um dos objetivos fortalecer a educação integral no contra turno escolar, ou seja, as crianças e adolescentes passam um período conosco, participando de oficinas, esportes e eventos culturais”, ressaltou Mayhara.

Segundo ela, são oferecidas três refeições por período e sobrevivem de doações. “Para nós, participar do Troco Solidário é a consolidação de um sonho, estamos muito felizes em receber essa contribuição”, finalizou. A ACAMIS tem 10 anos de fundação e atualmente atende cerca de 200 menores entre 6 e 16 anos, no bairro Cabo Michel, região do Jardim dos Estados, em Várzea Grande.

Troco Solidário

O programa social Troco Solidário, do Grupo Pereira, que existe desde 2007, encerrou o ano de 2020 com mais de R$ 3,4 milhões em arrecadações, sendo R$ 2,2 milhões vindos de contribuições dos clientes e R$ 1,2 milhão de aporte da companhia. O montante foi distribuído a cerca de 80 entidades beneficentes nos estados de Santa Catarina, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal, onde as lojas do Comper e Fort Atacadista estão presentes.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Veja também

Roseli

Roseli

Comentários

Com muito ❤ por go7.site